Colheita da uva registra perdas por conta da estiagem

Colheita da uva registra perdas por conta da estiagem


Publicado em: 09/02/2022 14:45 | Fonte/Agência: Assessoria de Imprensa

Whatsapp

 

Castigada pela estiagem e mais recentemente pelo temporal com granizo, a produção de uvas em Paraí registra uma perda média de 40%, segundo levantamento do escritório da Emater local. “Algumas propriedades que foram mais castigadas pela seca e depois pelo granizo, registram perdas ainda mais consideráveis na sua produção”, comenta o extensionista da Emater, Orivaldo Trevizan. O resultado são cachos menores e a morte de algumas plantas.

Em Paraí, mais de 20 propriedades trabalham comercialmente com o cultivo da uva, resultando em aproximadamente 55 hectares de parreiras. Outras tantas propriedades possuem pequenos parreirais para o consumo familiar da fruta, ou então para a produção de vinhos e geleias caseiras, mantendo vivos os costumes e a cultura dos antepassados que povoaram a região.

A maior parte das uvas produzidas em Paraí são vendidas para vinícolas em cidades serranas, como Garibaldi e Bento Gonçalves. Em Paraí as variedades de uva mais produzidas são a Francesa, Niágra branca e rosa, Bordô, Isabel, Casca Grossa/Cor de rosa, Moscato, Malvasia e algumas híbridas.


Leia também

Desenvolvimento Econômico, Social e Desporto

Paraí é campeão na Copa Integração de Futsal!

20/09/2022 15:00

Administração Municipal

Definidas as novas Soberanas de Paraí

16/09/2022 16:00

Desenvolvimento Econômico, Social e Desporto

Município contrata serviço de aerofotogrametria

13/09/2022 15:27

Saúde e Assistência Social

Iniciam os atendimentos de dermatologia em Paraí

18/08/2022 10:45

Saúde e Assistência Social

Paraí recebe nova ambulância

12/07/2022 16:00